Agricultura e desenvolvimento rural

A agricultura é uma questão social, econômica, ecológica e sanitária. Sua boa gestão e desenvolvimento contribuem para combater a insegurança alimentar e nutricional, agravada pelas mudanças climáticas e pela instabilidade política. Com 40% da população trabalhando no setor agrícola, é também o principal empregador mundial.
A AFD atua em todos os níveis nos setores agrícolas, para promover um desenvolvimento rural inclusivo e sustentável e garantir a segurança alimentar das populações.
  • logo linkedin
  • logo email
Agricultura e desenvolvimento rural, mulher, Gabão
A AFD e Agricultura: APOIAR O DESENVOLVIMENTO RURAL E FORTALECER A SEGURANÇA ALIMENTAR
Paysage de rizières près du village de Miarinarivo, Madagascar

Melhorar a gestão dos recursos naturais

Pousse, agriculture, Cameroun

Melhorar a gestão dos recursos naturais

A segurança alimentar e nutricional de uma população depende, em grande parte, da forma como os produtos agrícolas são geridos e transformados. Por esta razão, o Grupo AFD apoia os agricultores no sentido de melhorar a gestão de sua produção e reforçar a sustentabilidade econômica dos setores locais.

Por exemplo, na Costa do Marfim, financiamos um projeto de reabilitação de instalações e pistas agrícolas. Os produtores costa-marfinenses e suas organizações também beneficiam de aconselhamento em matéria de gestão e instrumentos inovadores para preservar os recursos naturais. No Laos, a promoção de uma agricultura adaptada às questões nutricionais e o reforço das capacidades das autoridades nacionais e locais melhoram os recursos de 400 aldeias e contribuem para garantir a segurança alimentar dos habitantes.

Também promovemos a governação regional dos recursos e da utilização dos solos. No espaço da Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), um projeto agrícola combate a insegurança alimentar abordando os fatores estruturais que a promovem. Do mesmo modo, reforçamos a gestão da transumância e dos recursos de pastoreio seguros, por exemplo, no Sahel. Esta abordagem promove a segurança alimentar e um clima de paz nos países da CEDEAO.

Estruturar e consolidar os setores agrícolas

trator agrícola, Senegal, Agricultura e desenvolvimento rural

Estruturar e consolidar os setores agrícolas

Embora a agricultura seja a principal fonte de renda das populações nos países em desenvolvimento, a baixa competitividade e produtividade do setor freiam o seu crescimento. A AFD apoia, então, projetos inovadores que reforcem a atratividade dos setores da agricultura e da transformação agroalimentar especialmente dirigidos aos jovens e às mulheres.

Na Tunísia, apoiamos a emergência de um novo modelo de desenvolvimento agrícola, adaptado às mudanças climáticas e inclusivo, através de três incubadoras. Na Guiana, aumentar a atratividade do setor agrícola exige melhorar o acesso à terra. Apoiamos igualmente a formação, a fim de reforçar a qualificação dos jovens e acompanhar a profissionalização do setor.

Para apoiar a descentralização e a profissionalização das organizações camponesas, a AFD financia projetos de desenvolvimento local que permitem a emergência de micro e pequenas empresas. Na Geórgia, um programa de assistência técnica permite facilitar o acesso de pequenas explorações agrícolas e cooperativas ao financiamento. Nos Camarões, um programa visa criar instrumentos de política pública, tais como fundos de refinanciamento de crédito, para apoiar a emergência de pequenas e médias empresas - um passo indispensável para a autossuficiência.

Favorecer a resiliência às mudanças climáticas

agricultor, México, café, Agricultura e desenvolvimento rural

Favorecer a resiliência às mudanças climáticas

O setor agrícola está seriamente ameaçado pelas mudanças climáticas e a perda de biodiversidade. Ao modificar os ciclos naturais que ritmaram a produção durante séculos e ao aumentar o risco de catástrofes como secas ou inundações, as mudanças climáticas estão pondo em perigo culturas inteiras. A perda de quase 75% da biodiversidade das culturas agrícolas desde o início do século XX causou uma perda nutritiva para as populações.

Para reduzir esse impacto climático, a AFD apoia projetos de adaptação das famílias camponesas às mudanças climáticas, financiando a construção de estufas ou o fornecimento de equipamentos de energia renovável na Bolívia, por exemplo.

Também apoiamos os agricultores na melhoria de suas práticas agrícolas e na utilização de tecnologias mais respeitadoras do meio ambiente, em especial no Peru.

805
milhões de euros investidos pela AFD para apoiar o setor agrícola em 2018

Em conformidade com o Objetivo 2 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável, o Grupo AFD trabalha para reforçar a autonomia, a sustentabilidade e a resiliência dos setores agrícolas. 

Adotamos uma estratégia integrada que combina os objetivos de preservação dos recursos naturais e da biodiversidade, o desenvolvimento econômico agrícola e o desenvolvimento territorial nas zonas rurais.

Por último, prestamos especial atenção às desigualdades entre homens e mulheres, que são muito acentuadas nas zonas rurais e no setor agrícola, constituindo assim um grande eixo de desenvolvimento.

Interactive map
This map is for illustrative purposes only and does not engage the responsibility of the AFD Group
GEOGRAFIA
TIPO DE FINANCIAMENTO
Antennas
Filters

GEOGRAFIA

Tout cocher
Tout décocher

TIPO DE FINANCIAMENTO

Tout cocher
Tout décocher

Antennas

Display local antennas

Filters

Iniciar a pesquisa
See map of all projects

News & Events

La serre qui libère l’Altiplano

Dans la communauté amérindienne de Caluyo, en Bolivie, l'installation d'une serre permet à l'agriculture locale de s’adapter aux effets déjà perceptibles du changement climatique. La serre sécurise et diversifie l’alimentation des habitants, améliore leur autonomie et créée une activité économique d'avenir. Une petite révolution dans ce village de l'Altiplano, l'une des régions habitées les plus hautes au monde.